Anucie sua empresa

Anucie sua empresa

terça-feira, 8 de março de 2011

Saudade... Clarice define!

Saudade!


Existem várias dores...
Machucar....
Bater...
Morrer...

Mas a saudade - é a dor maior!



E, mais dolorida ainda,
é a saudade de quem se ama!
Da pele.

Do cheiro.

Do beijo.

Da presença.

Da ausência.



Quando o amor acaba,
Pra quem fica amando,
Sobra a saudade!



Saudade de não saber.
De não saber o que ocorre
Com quem se ama...



Saudade de não saber.

Não saber o que se fazer
Com os dias longos que sobram!...




É enterrar o pensamento
Em coisas vãs...

Saudade é chorar ou sorrir
Numa música...

Saudade é o silêncio
Da ausência.

É não saber...

É querer saber....

Saudade... é o sempre doer!



Saudade é um pouco como fome.
Só passa quando se come a presença.

Mas às vezes a saudade é tão profunda
Que a presença é pouco:

Quer-se absorver a outra pessoa toda.

Essa vontade de um ser o outro
Para uma unificação inteira
é um dos sentimentos mais urgentes
Que se tem na vida.
                             ( Clarice Lispector)



Um comentário:

VEREADORA MARIA DO CARMO disse...

AMo poemas de saudade, dá um inspiração danada...

SONETO DA SAUDADES...(Pepita Lins)

No meu peito a saudade ainda mora
Dilacera e arrebenta o coração
Pois quem amo bateu azas foi embora
E deixou essa amarga solidão

E agora vivo eu ser ter destino
sem certeza do que quero e do que faço
só o desejo de te ter no meu caminha
e a vontade de cair no teu abraço

se eu soubesse que a saudade assim doía
e que de te tão distante eu ficaria
não teria te dado aminha paz

e agora coração ta em perigo
machucado, confuso tão doido
ta sofrido por tão só te amar de mais.